Sala de Sinais

É possível bater o mercado de ações no longo prazo?





* O link para o vídeo completo está no final desse artigo.
Saiba mais clicando em Robô IQ OPTION de AUTOMATIZAÇÃO de Lista de SINAIS
E conheça também sobre o Melhor Bot Para Opções Binárias 2022
Que tal um robo gratuito para IQ Option? Sistema Para IQ Option Grátis

Invista nas maiores empresas do mundo e se aposente com Renda Passiva.

Meus E-Books Gratuitos:
1) Aprenda o Buy and Hold – O Guia Definitivo:

2) E-Book Bem-Vindo a Wall Street:

3) Guia do Imposto de Renda 2022:

Meus cursos:
1) Lista de espera do Dólar Masters:
2) Lista de espera do De Zero a Holder:

Se inscreva no canal para ser notificado sobre os próximos videos aqui do canal clicando no link abaixo:

Vídeo



27 Comments

  1. Cara, você realmente parece entender muito do assunto. Sua didática é fantástica !

  2. Fabio, faz mais vídeos falando sobre o setor de saúde por favor
    Quase não vejo vídeos de qualidade analisando esse setor

  3. Minha impressão é que no dia-a-dia os preços não são aleatórios. São caóticos. Se fossem aleatórios, o IBOV sairia de 100 mil pra 5 mil, iria pra 500 mil e cairia pra 40 mil, no mesmo dia. Isso não ocorre. O que ocorre é que, quanto mais curto o prazo de observação, mais variáveis atuam na variação de preço; quando você vai afastando o foco, várias dessas variáveis se anulam e ficam só as mais relevantes. Segundo Fama, são 5.

  4. Fábio, na maioria das vezes para bater o mercado é necessário tomar mais risco, mas com a existência da low-volatility anomaly, poderia-se bater o mercado com menos riscos? Como seria uma carteira desse tipo?

  5. Deixou a desejar no seguinte 5 empresas si for de modelos de negócios diferentes é muito mais vantajoso do que ter um monte de ações ,Ex : Elétrica , saneamento,Banco ,Ti , Varejo …

  6. Discordo sobre o maior risco trazer maior retorno se tratando de ações no Mercado de Ações, e posso explicar meu ponto de vista.

    Tem um artigo que mostra que carteiras formadas por empresas que tem um beta menor (menos arriscadas) tem tendência a superarem as carteiras de beta maior (mais arriscadas) no longo prazo. Outro fenômeno contra-intuitivo e ligado a grandes empresas de dividendos também, pois elas costumam ser menos voláteis, tendo um beta menor. Ao passo que as empresas mais arriscadas, focadas em valorização e crescimento tendem a ser mais voláteis, tendo um beta maior.

    Ou seja, a idéia senso-comum de que empresas de maior risco tendem a ter rentabilidade maior doque empresas de menor risco também é uma meia-verdade (pois mentira é uma palavra muito forte :D).

    The Low Beta Anomaly: A Decomposition into Micro and Macro Effects
    https://www.hbs.edu/faculty/publication%20files/final%20decomposition%20of%20low%20risk_36c1e488-c814-496a-bd3b-113e54b3be1d.pdf

    "O desempenho superior de ações de menor risco que é evidente na (Figura 1) nos mercados dos EUA e internacionais é uma forma muito básica de ineficiência do mercado" ~ The Low Beta Anomaly: A Decomposition into Micro and Macro Effects

    "Em um mercado eficiente, os investidores obtêm um retorno maior apenas na medida em que assumem um risco maior. Apesar do apelo intuitivo de uma relação risco-retorno positivo, esse padrão tem sido surpreendentemente difícil de encontrar nos dados, datando pelo menos de Black (1972). Por exemplo, classificar estoques usar medidas de beta de mercado ou volatilidade mostra exatamente o oposto." ~ The Low Beta Anomaly: A Decomposition into Micro and Macro Effects

  7. Você é uma inspiração em relação a conhecimento, parabéns

  8. Risco e retorno andam de mão dada, como dito. E o importante é focar em se tornar sócios de empresas boas, o resto elas fazem!

  9. Se o mercado é o IBOV, então absolutamente todos os investidores estão assumindo mais risco.

  10. Fábio, o que acha ETFsno longo prazo? No exterior invisto em ETFs, pois são muitas empresas para serem estudadas, invisto VT, REET, IVLU, VLU, NOBL e VWO. Já no Brasil faço investimento direto nas empresas e FIIs…

  11. Fábio, no que se refere a bater o mercado necessariamente com mais risco, como se explica a Taesa, que mesmo sendo uma das empresas mais seguras da bolsa obteve um rendimento muito superior ao Ibovespa ao longos dos anos?

Comments are closed.